Diretor:

Egydio Coelho da Silva

Diretor de Redação:

Haroldo Rodrigues do Lago

Atualização Mensal
Observatório político-jornais de bairro (agosto/2011)

22/junho/2012

Observatório político

Antônio Zorro de Medeiros

Correspondência a esta coluna: politica@ajorb.com.br

__________________________________________________________
 

O povo deveria caprichar mais
na escolha do vice-prefeito

 

Adhemar de Barros

“São Paulo precisa de um gerente”

Prestes Maia

“+administração e -política”

 

O normal é o eleitor se preocupar muito pouco com o candidato a vice, mas na eleição a prefeito de São Paulo o enfoque deverá ser diferente.


Ao ser eleito prefeito de São Paulo qualquer político – quase sem exceção – no dia seguinte à posse, já é pressionado pelos companheiros de partido e da base aliada para sair candidato a governador ou mesmo a presidente da República.
Por isso, a história política paulistana registra fatos, que mostram quanto o eleitor paulistano deseja que o prefeito cumpra seu mandato e seja um bom administrador da cidade. O povo não quer seu prefeito fazendo carreira política, mas sim que cuide da cidade como sempre os candidatos prometem durante a campanha eleitoral.
Adhemar de Barros, sabendo disso, em sua campanha a prefeito, adotou o slogan: “São Paulo precisa de um gerente”, passando a imagem de que se preocuparia com a administração e não com a política. Porém, eleito agiu como os outros: só fez política.
Outro, que também se elegeu prometendo somente administração e não política, foi

 

Prestes Maia. Só que este cumpriu o prometido em seu slogan de campanha: “+administração e -política”.
Outros prefeitos, como Prestes Maia, que deixaram saudades, por serem excelentes administradores, foram: Faria Lima, Figueiredo Ferraz e Olavo Setúbal.
Acredito que a aspiração do eleitor paulistano de ter um bom prefeito que seja um “gerente”, administrador e pouco preocupado com política continua muito forte.
Infelizmente, nenhum pré-candidato se apresenta com esta virtude.
Parece-me que os candidatos a prefeito hoje não têm condições de afirmar em “papelzinho” ou em “papelzão”, que irão cumprir o mandato até o fim.
Ao escolher o vice, o candidato obteria mais resultado eleitoral não se preocupando com mais tempo na televisão, mas sim em mostrar ao povo que seu vice está preparado a substituí-lo quando deixar o cargo para concorrer a governador ou presidente da República.
O vice deveria ser administrador já que o candidato a prefeito é apenas político.

Bebidas nos estádios na Copa 2014

Não está nada fácil para os brasileiros engolir a interferência exagerada da Fifa na soberania nacional.
No momento, em que as brigas de torcidas se apresentam como perigo e insegurança nos estádios, nada mais correto do que a legislação em vigor que proíbe a venda de bebidas alcoólicas a torcedores nos jogos de futebol.

Seja da Copa de 2.014, seja em jogos normais regionais ou nacionais.
Por isso dou meus parabéns ao deputado federal Antônio Carlos Thame, líder da Minoria no Congresso Nacional, que

 

 entende a liberação da venda de bebidas alcoólicas nos estádios teria no mínimo ser negociada em cada estado da Federação. Ele faz veemente crítica à posição da presidenta Dilma Rousseff que tem aceitado às imposições da Fifa
O governador Geraldo Alckmin, no entanto, acha que atribuir aos estados a obrigação de autorizar ou não a venda de bebidas alcoólicas nos estádios é uma omissão do Governo Federal e deixará confusos os próprios torcedores estrangeiros
que vierem para assistir aos jogos da Copa do Mundo de 2014.

Vereador Police Neto em
campanha pela reeleição

Como a maioria dos vereadores da Câmara Municipal, o presidente da Câmara, o vereador José Police Neto,  já está gastando sola de sapato e indo atrás de votos. Ele tem muita chance de se reeleger vereador.  Além de ser o presidente da

 

 Câmara, espera contar com a ajuda do Prefeito e do candidato do PSDB, José Serra.
É que o encontro de Serra e Kassab se deu na casa de  Police Neto.

E dessa reunião saiu um acordo político para a prefeitura e estado de São Paulo.

Câmara Municipal de São Paulo

cumprimenta jornais de bairro

O dia 13 de junho foi instituído como o “Dia do jornalista de bairro”.

Na realidade, além desta data, também já foi criado o “Dia do jornal de bairro” que é primeiro de setembro, o qual procura manter a memória histórica do primeiro jornal de bairro que circulou em São Paulo. Tratava-se do jornal “O Braz”, editado por Albino Soares Bairão, cuja primeira edição circulou em primeiro de setembro de 1.895.

 

 O “Dia do jornalista de bairro” não passou desapercebido pela Câmara Municipal de São Paulo.
Por iniciativa do vereador Toninho Paiva o fato foi registrado em plenário e o comunicado por ofício ao presidente da Ajorb-Associação dos jornais de bairro, Egydio Coelho da Silva e ao presidente do Sindicato das editoras de jornais de bairro, Antônio Carlos Cimino.

 

Diálogos imaginários de

 

Zé Periferia com o prefeito Quessabe

 

Prefeito Quessabe:
Eu, além de aluno do Serra, sempre me inspirei no famoso slogan do saudoso Prestes Maia: +administração e -política...


Periferia:

Talvez o prefeito Quessabe tenha apenas trocado o lugar dos sinais de “menos” e de “mais”...

 

Texto: Zuel Antônio Costela

 

_____________________________________________________________

++Antônio Zorro de Medeiros é jornalista.
Correspondência a esta coluna: politica@ajorb.com.br
Texto exclusivo para os jornais de bairro de São Paulo, que ficam autorizados a publicar na íntegra ou parcialmente. Outros também, desde que citem a fonte e deem crédito.

 

Observatório político-maio/2012

Observatório político-abril/2012

Observatório político-28/03/2012

Observatório político-05/03/2012

Observatório político-07/02/2012

 

Observatório político, colunas publicadas em 2011

xxxxxxxxxxxxxxx 

 

Se você se sentir prejudicado com qualquer notícia aqui divulgada e quiser se utilizar do direito de resposta, favor enviar email de volta, que a sua opinião será divulgada com o mesmo destaque e enviada para as mesmas pessoas que receberam esta mensagem.

 

Fale com o presidente da Ajorb

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

© Copyright ® 2003-2011 - Jornal dos Bairros - Fone: 3242-0270 - Todos os Direitos Reservados - Cristiano Coelho- Web Master