VOZ DA TERRA

Jornal diário, virtual e impresso, que circula na cidade de Assis-SP, Brasil

Fotos antigas de assisenses

FÓRUM ASSISENSE EM 24 DE SETEMBRO DE 2005 
De: Mauro Alves dos Santos
Cidade: São Paulo - Estado: SP. País: Brasil.
Para: Fórum assisense. 
Prezado Egydio,
Aproveitando que o Zaca enviou algumas fotos " não muito antigas ", vou aproveitar para enviar algumas que também tenho, também não muito novas.

É da turma do TG, primeiro semestre. Turma de recrutas como os irmãos Nantes, o Dito Castilho, Rorato, Poletto, Hideru, Cardoso, Nivaldo ( irmão do Edson ), Celso Camilo, Zé Rosseto, Paulo Castelo, Adriano, Cabelo, Luiz Bertolucci, Silveira, Marquito, Santarém, Zé Pires Neto, Jorge Spera, Isaías, Barrero, Sinésio e outros. 
Ultimo dia ... todo mundo com farda engomadiha.

Na foto que o pessoal está em cima do tablado, da esquerda para a direita está o Orlando, depois eu, Mauro, ao lado o Osvaldinho Cruz e atrás o Nelson. Dpo outro lado aparecendo só a cabeça, Isaías Gomes.
Em cima do tablado da esquerda para a direita está o José Pires, ao lado dele, com os braços nos meus ombros está o Zé Rosseto, e atrás está o Cabo Tobias.

Na foto em frente ao prédio do TG, estão quase os mesmos, sendo que foi eu quem tirou as fotos.
E na terceira foto, também no páteo interno do TG, são quase os mesmos: Tobias, Silveira, Zé Rosseto, Zé Pires, em pé; e agachados Osvaldinho e eu. Os demais não consegui descobrir os nomes.

 

FÓRUM ASSISENSE EM 25 DE JANEIRO DE 2006 
De:
Mauro Alves dos Santos

Cidade: São Paulo. Estado: SP. País: Brasil.
Para: Fórum assisense.

Esta é a foto oficial da tropa de soldados do TG-02-121, de 1972, primeiro semestre.

Esta foto, é do pessoal do TG, 1972.
Foi tirada em 01.junho,1972, no dia de Corpus Christi, na Av. Rui Barbosa, equina do Bar dos Boiadeiros, quando decorávamos a rua.
Da direita para a esquerda estão: Nelson, Julio, Davi, Zé Rosseto, Cabo Rolfini, Roberto, Mauro, Zé Pires, Batista e metade do Felix.
Abraços. Mauro A. Santos. São Paulo


É, amigo Zacarias, parece que o Sgto Andrade dizia aquele chavão a todas as turmas, como revelou o Coligni. Bem provável que para levantar o moral da nova tropa. Mas temos em Campinas o fiel, e sempre competente Sgto Tarciso, que poderá colocar um ponto final nessa contenda.
Enérgico, metia medo em toda turma o Sargento Josino Andrade Câmara.
E, lembro-me do dia em que estávamos todos reunidos naquele antigo salão de madeira, no qual receberíamos a farda e o nome de gerra.
Sgto Andrade e sgto Tarciso, lá na frente comandavam a distribuição, e o burburinho, claro, era generalizado.
Chamava um por um, dava o nome de guerra; o recruta respondia e ia buscar a farda. E, assim se desenvolveu a chamada com algumas interrupções e sarro por parte dos instrutores em cima dos novatos, até que chegou ao soldado número 212.
E o Sgto Andrade lá na frente, em voz alta: " Duzentos e doooze... Andrade... Pedro F. Andrade ..." ... e o 212 não respondia .... "Andrade ... duzentos e doze, quem é? ". Até que o tal Pedro de F. ( acho que é de Freitas) Andrade levantou a mão sinalizando que era ele.
Ele até que havia respondido mas, sem força, ou força parecida com o tipo físico que o tal Pedro apresentava, e no meio daquele barulho e risadas o sargento não ouviu nada. 

O tal Pedro de F. Andrade, tinha cabelos pretos e moreno do trabalho ao sol, era magro e bastante tímido; pouco conversava e era alvo de sarro constante dos colegas.Ele era do sítio. Já não me lembro mais; me parece que era de Cervinho.Quando o Sargento Andrade viu o recruta que iria carregar, como nome de guerra, o seu sobrenome, olhou, comparou-o consigo mesmo e sem mais demora, gritou lá da frente: " Não ... não... vamos mudar o seu nome de guerra... Andrade, não." E assim foi feito. 
Ao longo do período o tímido Pedro de F. Andrade foi dando lugar a uma outra pessoa, mais alegre, integrada ao grupo e sarrista, também.
Até se tornar, ( me disseram) tempos depois no Radialista PINGO D´AGUA.

Empresa, que patrocina e torna possível esta página na internet.

Em Monte Verde:

MONTE VERDE-MG

Primeira página de Voz da Terra - Assis

Volta ao portal de fotos antigas de assisenses